Não é porque eu pergunto aos seus amigos como é que você está, nem porque eu vou a todos os lugares onde penso que você irá; nem por isso acredite que eu ainda te quero. Não é porque eu passo o dia olhando para o celular, e vivo convencido de que em qualquer momento você vai me ligar; nem por isso acredite que me tem. Não vá pensar que eu sonho com você todo dia, que sinto tanto sua falta; é apenas algo normal. Te amei demais, mas agora já é passado. Se te faz sentir melhor em pensar que ainda morro por você, continue assim. À mim, você já tanto faz. Se isso aumenta o seu ego, continue acreditando. Se te faz sentir melhor sonhar que ainda vamos voltar, e que não deixei de te amar, continue acreditando no seu conto, embora na verdade, não sei de onde você tira isso.

Não é porque eu pergunto aos seus amigos como é que você está, nem porque eu vou a todos os lugares onde penso que você irá; nem por isso acredite que eu ainda te quero. Não é porque eu passo o dia olhando para o celular, e vivo convencido de que em qualquer momento você vai me ligar; nem por isso acredite que me tem. Não vá pensar que eu sonho com você todo dia, que sinto tanto sua falta; é apenas algo normal. Te amei demais, mas agora já é passado. Se te faz sentir melhor em pensar que ainda morro por você, continue assim. À mim, você já tanto faz. Se isso aumenta o seu ego, continue acreditando. Se te faz sentir melhor sonhar que ainda vamos voltar, e que não deixei de te amar, continue acreditando no seu conto, embora na verdade, não sei de onde você tira isso.