Nunca pensei que você fosse me abandonar. Eu jurei que te fazia feliz. Sempre tentei te dar a alma e a pele; sempre quis entregar o melhor de mim. Sem ver eu te segui; voei e caí por você. Mas tudo não foi o suficiente e me mata te perder. Queria arrancar essa dor de mim, mas meu coração arrogante se nega a escutar; não quer aceitar o seu adeus. Como fogo na fogueira, se apagou o seu amor. Tudo não foi suficiente, tudo é nada hoje. Queria te esquecer, e termino te buscando em cada lembrança que existe em mim. Te dei sorrisos e na solidão lutei uma batalha de dois.

Nunca pensei que você fosse me abandonar. Eu jurei que te fazia feliz. Sempre tentei te dar a alma e a pele; sempre quis entregar o melhor de mim. Sem ver eu te segui; voei e caí por você. Mas tudo não foi o suficiente e me mata te perder. Queria arrancar essa dor de mim, mas meu coração arrogante se nega a escutar; não quer aceitar o seu adeus. Como fogo na fogueira, se apagou o seu amor. Tudo não foi suficiente, tudo é nada hoje. Queria te esquecer, e termino te buscando em cada lembrança que existe em mim. Te dei sorrisos e na solidão lutei uma batalha de dois.

(Fonte: antonioreis)